Cristal: desembargadora pede vistas do processo e julgamento é adiado

Cristal: desembargadora pede vistas do processo e julgamento é adiado

 Marcado para acontecer nesta quarta-feira (07), o julgamento dos embargos declaratórios da cláusula 4ª contra a Cristal foi adiado, no TRT (Tribunal Regional do Trabalho), em Salvador. O julgamento entrou em pauta, mas uma das desembargadoras que integram a 4ª turma pediu vistas do processo e acabou sendo suspendido. O Sindiquímica procurou o presidente da turma, desembargador Valtércio Ronaldo de Oliveira, para solicitar celeridade no julgamento. O desembargador garantiu que o julgamento será retomado em no máximo 15 dias.

Do lado de fora do Tribunal, dezenas de trabalhadores com direito ao pagamento da cláusula 4ª se reuniram para acompanhar o julgamento. Ficaram decepcionados quando souberam que foi adiado.

e-max.it: your social media marketing partner