Greve dos trabalhadores da Xerox entra no quarto dia

Greve dos trabalhadores da Xerox entra no quarto dia

Continua a greve dos trabalhadores da empresa Xerox do Brasil, multinacional de bandeira americana, que começou na segunda-feira (20). Não houve acordo na reunião ocorrida nesta quarta-feira que tratou sobre a situação dos 85 trabalhadores que serão demitidos. Estavam presentes na reunião: a comissão de trabalhadores, representantes do Sindiquímica e da direção da empresa

Os trabalhadores decidiram entrar em greve depois que a multinacional anunciou as demissões por conta do fechamento da unidade, localizada em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador

A Xerox alegou diminuição da demanda dos produtos no mercado interno e por isso decidiu fechar a unidade na Bahia.

Porém até o momento, a empresa não se posicionou sobre a situação dos funcionários demitidos. “A Xerox informou que até o dia 27 encerra suas atividades, faltam apenas cinco dias e os funcionários não sabem como serão feitos os desligamentos. Esperamos que a empresa não passe o calote nos trabalhadores”, adverte o diretor do Sindiquímica, Italjimar Moura.

 

e-max.it: your social media marketing partner